Apartamento Hedge

O objetivo central na idealização do projeto de design de interiores do Apartamento Hedge foi proporcionar uma atmosfera masculina, funcional e aconchegante ao imóvel, através de texturas e tonalidades equilibradas. A reforma do apartamento de 65m² teve duração de seis meses, do projeto à entrega das chaves.

A integração da sala e cozinha foi caracterizada pelos materiais primários MDF em marfim e cinza puro e quartzo calacata. Na cozinha, um nicho foi desenvolvido em pedra, envolvendo toda a área utilitária. Na sala, a sacada foi reduzida para deixar a área maior. Os bancos embutidos à marcenaria do painel ripado foram desenvolvidos para abrir mais espaço para uma mesa de jantar mais ampla, sem dificultar a passagem, e a mesa de jantar imponente é complementada por cadeiras em tom off-white acolchoadas, agregando conforto. 

O destaque da sala também é atribuído ao grande armário em toda a lateral, gerando amplitude e disfarçando um pilar estrutural sem deixar dentes na parede. A cristaleira em vidro Reflecta prata, a televisão acoplada e a adega funcional complementam a superfície de madeira. 

Acima da mesa de jantar, uma luminária suspensa traz a claridade ideal para os momentos de relaxamento no ambiente. Outro ponto focal estratégico de iluminação na sala de estar é a luminária, exclusivamente projetada pela Tulli Studio, inserida acima do sofá para realçar a personalidade tecnológica do morador.

As banquetas que atendem à ilha de mármore da cozinha são assinadas pelo designer Vinicius Siege e acrescentam o estilo industrial moderno ao conjunto. A pintura em cimento queimado é a base de todo o apartamento, e o tom de cinza está presente também nos revestimentos de pisos e paredes com fluidez e harmonia entre as nuances.

No banheiro social, o painel ripado marfim e o espelho orgânico compõem a cena com a bancada em granito preto negresco e o armário inferior, que devolve o tom de cinza na marcenaria. 

O quarto de hóspedes foi transformado em um home office equipado para o modelo de trabalho do morador, com mesa elevatória, prateleiras em marcenaria preta e cinza e parede em tinta lousa, permitindo anotações e servindo como um cenário para as suas videochamadas.

Na suíte master, o realce está na cabeceira em couro caramelo médio. A disposição de armários invisíveis em marcenaria grafite e marfim foi idealizada para comportar todos os itens do morador e manter as superfícies organizadas. Na estrutura original, a porta do quarto ficava localizada em frente à cama, o que impossibilitava a instalação de uma televisão. No projeto, esse layout  foi alterado, buscando melhor funcionalidade.

No banheiro da suíte master, retorna o quartzo calacata na bancada e nos revestimentos de piso e paredes da ducha, resultando em um conjunto harmonioso com a marcenaria em tons de marfim.

O resultado foi um apartamento masculino claro, moderno e arrojado, explorando a marcenaria, iluminação e as cores em tons de cinza, branco, preto e grafite.